O que observar ao comprar pescado?

A aparência e a disposição devem ser observadas na hora de comprar peixes frescos

Camarão fresco

O mercado de pescado em nosso país é grande e a demanda existe não só em datas comemorativas. O peixe comercializado fresco é mais atrativo e considerado, por alguns, mais saboroso. Também é considerado mais saudável por não ter passado por nenhum processo industrial.

Elisabete Viegas e Maria Luiza Rodrigues, professoras do Curso a Distância CPT Técnicas de Processamento de Peixes, explicam que atualmente, as pessoas procuram por produtos mais práticos, mais fáceis de preparar, semiprocessados e, principalmente, no caso do pescado, sem espinhas. Tanto o peixe fresco quanto o processado possuem grande procura.

Porém, é preciso certificar-se que o peixe está realmente em bom estado. A higiene do local, dos atendentes, a forma como o peixe está sendo conservado e o local de comercialização devem ser levados em conta na hora de escolher qual peixe levar para casa. Então, quais características devo observar para comprar o melhor peixe? Fique atento!

Peixes frescos e resfriados

Deve-se observar a temperatura do balcão onde o peixe fresco está, que deve estar abaixo de 4°C. Em caixas térmicas ou de isopor, o peixe deve estar todo envolvido no gelo. Além disso, deve apresentar:

- Pele firme, sem manchas, úmida e bem aderida;
- Odor característico;
- Boa apresentação (sem moscas, areia, pedaços de plástico ou sabão);
- Olhos salientes e brilhantes;
- Escamas brilhantes, unidas entre si e aderidas à pele;
- Brânquias brilhantes, sem viscosidade e com coloração variando entre rosa e vermelho intenso;
- Crustáceos: sua cor deve ser característica, sem aspectos alaranjados ou negros na carapaça;
- Mariscos: frescos, só podem ser vendidos vivos;
- Polvo e lula: sua carne deve ser consistente e elástica;

Pescado seco

- Armazenamento em local limpo, livre de poeiras e insetos;
- Aparência “limpa”, sem mofo, ovos ou larvas de moscas, manchas escuras ou avermelhadas, amolecimento ou odor desagradável.

Peixes enlatados ou em conserva

- Peixes enlatados conseguem ser conservados por mais tempo. Podem ser vendidos em azeite ou óleo comestível, com ou sem temperos.
- Em conserva, ao natural, deve estar armazenado em salmoura fraca, podendo conter ou não temperos;

Como armazená-los em casa?

- Devem ser refrigerados e congelados imediatamente e consumidos até a data de validade;
- Não se deve congelar novamente o pescado que já foi descongelado;
- Devem ser congelados inteiros, sem as vísceras;
- Camarões e lagostas devem ser congelados sem a cabeça;
- Deve-se manter a pele, que é a melhor proteção para o peixe;
- Não se deve armazenar mais de uma espécie na mesma embalagem ou recipiente.



Conheça os Cursos a Distância CPT da Área Criação de Peixes:

Técnicas de Processamento de Peixes
Processamento Artesanal de Pescado
Criação de Peixes – Como Implantar uma Piscicultura

Fonte: Colpani – grupoaguasclaras.com.br
por Renato Rodrigues

Renato Rodrigues 21-08-2019

Deixe um Comentário

Comentários

Não há comentários para esta matéria.