Criação de peixes: principais espécies de água salgada

A piscicultura marinha é uma boa opção para investimento

Peixe - imagem ilustrativa

Além das condições climáticas e geográficas que favorecem a criação de peixes aqui no Brasil, nossos mais de 8.400km de costa marítima nos permite escolher entre a criação de peixes de água doce e a criação de peixes de água salgada. Ainda que em nosso país a piscicultura marinha não seja tão grande quanto a de água doce, é possível obter renda a partir dela.

O professor do Curso CPT Criação de Peixes – Como Implantar uma Piscicultura, Giovanni Resende, explica que ambas são possíveis e são atividades rentáveis, mas a piscicultura marinha requer mais investimento.

Para quem deseja entrar na criação de peixes em águas salgadas, antes de mais nada é preciso avaliar, dentre as espécies, qual a melhor a ser criada de acordo com as condições de que dispõe.

Apresentamos algumas das principais espécies de peixes de água salgada:

Beijupirá

Popularmente, o beijupirá recebe vários outros nomes, como pirabiju, parambiju ou cação de escama. Por gostar de climas mais quentes, é encontrado em nosso país na região Nordeste, em estados como o Piauí e o Ceará.

Uma vantagem em criá-lo é o seu crescimento, que é rápido. Em apenas um ano, os peixes dessa espécie podem atingir até 4kg, aumentando para 10kg em até 16 meses. Se adapta bem às condições de confinamento e cativeiro.

Garoupa

A “galinha-do-mar”, como é popularmente conhecido, é um peixe encontrado em todo o mundo e que possui alto valor de mercado, com seu quilo podendo ser vendido por aproximadamente US$60.

É um peixe grande, que pode chegar a 1,5m de comprimento e 60kg, se adaptando bem à criação em cativeiro, viveiros escavados, tanques e tanques-rede.

Dourado do mar

Também existe dourado de água doce, mas o dourado do mar assume tamanho maior do que seu “parente”, podendo crescer a até 2m. É valorizado na pesca esportiva e pode ser encontrado em todo o litoral brasileiro, estando mais próximo da costa entre os meses de outubro a março.

Salmão do atlântico

O salmão é um peixe apreciado em todo o mundo, mas não pode ser encontrado naturalmente em águas brasileiras. Em condições naturais, ele nasce em águas doces, mas vive em águas marinhas, retornando apenas para a reprodução.

Robalo

Muito valorizado na gastronomia, o robalo é um peixe presente em boa parte da costa do atlântico. Também encontrado em mangues, encontra na Bahia, Pará e Maranhão, locais ideais para seu cultivo.

 


Conheça os Cursos CPT da Área Criação de Peixes:

Criação de Peixes – Como Implantar uma Piscicultura
Cultivo de Camarões Marinhos
Produção de Alevinos

Fonte: Engepesca – engepesca.com.br
por Renato Rodrigues

Renato Rodrigues 16-03-2020

Deixe um Comentário

Comentários

Não há comentários para esta matéria.